PESSOAL • Moving (on/out)


Parece que já não há volta a dar, as escolhas estão feitas, as horas já foram gastas, o tempo passou. Resta-me então agarrar na mala, levar as caixas, todas as minhas coisas, esvaziar um quarto que de tantas coisas se encheu, para agora ficar quase sem nada.

Está então aí, a dita da mudança, a tal que eu receava, aquela que me olhava por cima de um jornal, como se esperasse para dar o golpe certo.

Vem, que venha a mudança, acredita, és precisa. Ano novo.

A ansiedade tira-me o sono. Não vejo a hora de vos ver. São tantas. Tão lindas. Tão minhas. Minhas princesas.

Um beijo.

Da Madrinha Bibi.

4 comentários:

  1. Respostas
    1. Para a faculdade. A medicina dentaria nao espera. agora e cada vez mais rapido.

      Eliminar